Fim da pandemia, fim do home office?

Com um possível fim da pandemia se aproximando, algumas empresas já cogitam a volta de seus colaboradores ao escritório. Mas é isso que eles realmente querem?

Por isso, a CBS News fez uma pesquisa e destacou que 60% dos entrevistados querem continuar trabalhando remotamente, por pelo menos meio período. Por isso, optar por um sistema híbrido pode ser o ideal para ambas as partes.

Então, pedimos quatro conselhos a especialistas sobre como garantir que um arranjo híbrido possa continuar a beneficiar o colaborador e ser valioso para seus superiores.

#Dica1

Gerencie percepções. Gaste 10 a 15 minutos respondendo mensagens importantes logo pela manhã enquanto seus colegas estão começando o trajeto até o escritório.

#Dica2

Atualize um superior sobre seu progresso. Forneça atualizações curtas e diretas sobre o seu trabalho para manter os “check-ins” concisos. Assim, você dá a ele mais visibilidade sobre o seu trabalho em encher sua caixa de email.

#Dica3

Busque por feedbacks. Se seus chefes não tem tempo, tome a iniciativa. Encontre tempo em suas agendas para conversas mais profundas sobre seu trabalho de três em três meses. Isso evita dois problemas clássicos: presunção de que está tudo bem, porque você não sabe a opinião do seu chefe e presunção de que está tudo mal, porque também não ouviu a opinião do seu chefe.

#Dica4

Estabeleça metas e métricas de desempenho. Depois disso, administre seu tempo para alcançá-los. Quando for elogiado, salve o email, crie um arquivo com este compilado. Quando chegar a hora da avaliação de desempenho do meio do ano, você estará preparado.

Assim, você pode se destacar quando estiver no escritório e ter a oportunidade de fazer um trabalho conciso em casa, sem que seus chefes fiquem com o pé atrás sobre sua presença ou não no escritório.