5 tendências que já são o ‘novo normal’

A humanidade está passando por um dos momentos mais difíceis da história e, como todo ser vivo, estamos nos adaptando a esse ‘novo normal’ para que o mundo não pare.

Consumir por consumir sai de moda, trabalho remoto ganha muita força, atuar mais no coletivo com colegas de empresa ou vizinhos do bairro já são uma necessidade fundamental. A Covid-19 vai rever valores e mudar muitos hábitos da sociedade, já até vemos muitas empresas e cidades se adaptando às novas tecnologias e soluções, dentre elas:

– Consumo responsável e consciente

Com a crise financeira mundial e a necessidade de conter a destruição do meio ambiente e evitar que mais doenças surjam, muita gente já começou a colocar na balança quais produtos e serviços realmente valem a pena.

– Avanço do virtual

Se a frase “o microfone tá desligado” não for a frase mais falada do ano, aceito indicações. Quem não sabia usar aparelhos tecnológicos teve que aprender na prática. O isolamento ensinou grande parte das pessoas que muita coisa pode ser resolvida virtualmente, sem a necessidade do encontro virtual para fazer uma reunião, compras, consultas, aulas, shows e até casamentos.

– Reconfiguração dos espaços

Morar em uma cidade grande não faz mais sentido para quem vai adotar o home office, morar longe e pegar transporte cheio também já deixou de ser aceitável. Além disso, o distanciamento social fez muitos comércios e centros culturais reinventarem o modo de operar para receber pessoas. As casas ganham mais móveis confortáveis, afinal, muita gente vai sair da quarentena cheia de dores.

– Shopstreaming

Se você não vai às lojas, elas vêm até você. Seja em anúncios, aquele blogueiro fazendo publipost ou até mesmo a marca que faz uma parceria na live do seu cantor favorito. As marcas de todos os setores tiveram que aprender a vender seu peixe pelas redes sociais ou ferramentas de busca.

E pra você? O que mais mudou desde o começo de 2020 até aqui?

Fonte: El País, Sebrae