Aprenda a investir com pouco dinheiro

Existe uma “lenda” de que é preciso ter muito dinheiro para investir, mas na maioria dos casos, de pouquinho em pouquinho, a riqueza vai crescendo. Aqui, vamos falar de algumas alternativas e dicas para você começar a investir:

  • Estabeleça seus objetivos

Você quer abrir um negócio, fazer intercâmbio ou até mesmo comprar uma casa? Cada objetivo deverá ter prazos reais e ser definido para curto, médio ou longo prazo.

  • Determine o valor

Entenda quanto precisa juntar para alcançar o seu objetivo, determine um valor e invista todo mês. Importante: esse valor deve caber no seu orçamento.

  • Conheça os tipos de investimentos

Eles se dividem em dois tipos: renda fixa e variável.

A primeira são títulos públicos ou privados que podem ter uma taxa de rendimento prefixada no momento do investimento ou pós-fixada atrelada a um indexador da economia, como o CDI, IPCA ou taxa Selic. Os investimentos da renda fixa são: tesouro direto, CDB, LCI/LCA, CRI/CRA, LC, Debêntures e fundos de investimentos.

A renda variável investe na bolsa de valores e não oferece um rendimento fixo. De acordo com as notícias e cenário econômico, ela pode ser mais ou menos rentável. Seus investimentos são: ações, contratos futuros, commodities, opções, fundos de investimentos imobiliários (FIIs), Exchange Traded Funds (ETFs) e COE.

  • Descubra seu perfil de investidor

Antes de investir, é preciso entender a sua tolerância financeira ao risco e, só então analisar as opções mais indicadas para você. Os perfis são: Conservador, Moderado e Arrojado.

Se interessou? Para ter mais detalhes procure uma Instituição financeira ou corretora e comece hoje mesmo a fazer o seu dinheiro trabalhar por você.

Fonte: Rico e XP Investimentos